Cine Troppo - De 26/01 a 01/02/17

CINE TROPPO
Marco Antonio Moreira Carvalho



CEC promove palestra sobre “Os Espectadores”
* O Centro de Estudos Cinematográficos (CEC) realizará sua primeira ação do ano com uma palestra sobre a história do primeiro cineclube de nossa capital, “Os Espectadores”. Este cineclube teve importância histórica desde sua fundação nos anos 1950 quando iniciou exibições de filmes inéditos e clássicos em Belém (como "Arroz Amargo" de Giuseppe de Santis) com a realização de debates numa ação que influenciou muitos cinemaníacos que ampliaram sua cultura cinematográfica. O cineclube foi idealizado por Benedito Nunes, Maria Sylvia Nunes, Orlando Costa e Francisco Paulo Mendes e sua criação contribuiu com a idealização de outros cineclubes. Essa história não pode ser esquecida e baseado no trabalho de doutorado da professora Eva Dayna Feliz Carneiro, a intenção é divulgar este importante momento da cinefilia paraense e também debater sobre a finalidade de um circuito cineclubista. A professora Eva Dayna estará presente na palestra para compartilhar seu trabalho de pesquisa de doutorado sobre “Os Espectadores” no próximo dia 31/01 a partir da 18h30min na Casa das Artes (Cineclube Alexandrino Moreira). As inscrições para o evento são gratuitas e poderão ser realizadas antes do início da palestra. Entendo que é necessário revelar esta e outras histórias de cinefilia pois nossa capital tem nomes e ações importantes na área de cinema que não merecem ser esquecidos e devem inspirar novos projetos de estudo/debate sobre o cinema como arte. O Centro de Estudos Cinematográficos (CEC) tem ações mensais em parceria com a Casa das Artes com temas relevantes a sétima arte. A próxima ação agendada será no final de fevereiro com o jornalista Augusto Pacheco numa palestra sobre o cinema do cineasta americano Brian de Palma.
*O documentário “Eight Days a Week” sobre os anos de turnê dos Beatles está agendado para exibição em várias capitais (incluindo Belém) em sessões especiais entre os dias 02 e 05 de fevereiro. Dirigido por Ron Howard (O Código da Vinci) o filme tem diversas cenas históricas sobre um período muito agitado na vida dos músicos quando eles viajaram para várias cidades para encantar e conquistar o público com suas canções. Depoimentos recentes de Paul McCartney e Ringo Starr aparecem com entrevistas em áudio e vídeo de John Lennon e George Harrison com a intenção de revelar ao público a loucura, a histeria, o prazer e a satisfação que eles tiveram naqueles dias incríveis. É um bom trabalho que deve agradar aos eternos fãs dos Beatles, a maior banda de rock de todos os tempos.
* ”Aquarius” de Kleber Mendonça Filho foi indicado ao “César” (prêmio do cinema francês) para a categoria de melhor filme estrangeiro. O filme merece todo e qualquer prêmio que for indicado. É um dos melhores filmes brasileiros que assisti nos últimos anos e merece atenção.
* O cinema Olympia exibirá no dia 14/02 no projeto CINEMA E MÚSICA (exibição de filmes mudos com acompanhamento musical ao vivo) o clássico de terror “O Gabinete das Figuras de Cera”. O filme foi realizado em 1924 e é considerado um dos melhores filmes do gênero num período importante para o cinema. Sobre o Cinema Olympia, em abril, este importante cinema de nossa capital completará 105 anos de fundação.
*Rádio é sempre uma boa escolha. Não deixe de ouvir o programa “Atualidades Cinematográficas” toda quinta-feira na rádio Liberal AM a partir das 14h30min com minha apresentação ao lado do locutor Cleiton César.

INDICAÇÕES


ESTREIAS
“Sieranevada”
Filme de Cristi Puiu
Cine Líbero Luxardo

“A Transformação do Mundo em Música”
Filme de Werner Herzog
Cine Olympia


CINECLUBE
“Zabriskie Point”(1970)
Filme de Michelangelo Antonioni
Cineclube Alexandrino Moreira (Dia 30/01)

BREVE
“Eu, Daniel Blake”
Filme de Kenneth Loach
Prêmio de melhor filme no Festival de Cannes

MEMÓRIA
“O Grito”(1957)
Filme de Michelangelo Antonioni
Cartaz exibido nos cinemas italianos nos anos 50

 AGENDA
*Cineclube Alexandrino Moreira (Casa das Artes):
Dia 30/01 – O Cinema de Michelangelo Antonioni: “Zabriskie Point” (1970).  Sessão às 19 h. Entrada franca e debate após a exibição.
*Cine Olympia:
De 26/01 a 01/02 – “A Transformação do Mundo em Música” de Werner Herzog.  Sessão às 18h30min (domingos e feriados às 17h30min). Entrada franca.
*Cine Líbero Luxardo:
Até dia 01/02 – “Sieranevada” de Cristi Puiu e “Creepy” de Kiyoshi Kurosawa.
*Centro de Estudos Cinematográficos (Casa das Artes):
Dia 31/01: “Cinema e História em “Os Espectadores”: A Experiência do primeiro cineclube de Belém(1950)”. Palestra com a professora Eva Dayna Félix Carneiro. A partir das 18h30min na Casa das Artes. Inscrições gratuitas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

E O FINAL DE "ONDE OS FRACOS NÃO TEM VEZ"

Cine Troppo - De 21 a 27/12/17

Cine Troppo - De 25 a 31/01/18