domingo, 27 de junho de 2010

CINE TROPPO DOMINGO DIA 27/06/10

CINE-TROPPOMarco Antonio Moreira Carvalho

CINEMA/Lançamentos da Semana
Caso não haja nenhuma modificação de última hora, as estréias da semana são "Eclipse" e "Em Teu Nome".
“Eclipse” faz parte da rentável saga “Crepúsculo”, iniciada no cinema em 2008 com muito sucesso. Este terceiro filme da saga foi precedido pelos filmes “Crepúsculo” e “Lua Nova”. Em “Eclipse”, a história continua com a volta de Edward Cullen e de sua família a Forks. Retorno que traz Bella de volta para sua vida quase normal. Com a ausência do namorado, ela tornou-se mais próxima do amigo de infância, Jacob Black. Um jovem e apaixonado Lobisomem que vê sua amiga se distanciar dele com o retorno de seus inimigos, os Vampiros Cullen.Mas outros perigos aparecem como a aproximação da Formatura e o fim do prazo dado pelos poderosos Volturi, para Bella tornar-se um deles. Como se não bastasse, Bella continua sendo perseguida pela Vampira Victoria que em busca de vingança, forma um exército de jovens Vampiros. Apenas a união entre a alcatéia de Jacob e a família de Edward poderá frustrar os planos de Victoria para matar Bella.No elenco, Kristen Stewart, Robert Pattinson, Taylor Lautner, Ashley Greene, Bryce Dallas Howard, Peter Facinelli e Catalina Sandino Moreno. "Eclipse"será exibido em cópias dubladas e legendadas. O filme estréia nacionalmente no próximo dia 30/06.
“Em Teu Nome” é uma produção nacional que conta a história de um jovem estudante de engenharia que se vê, por contingência, envolvido na luta armada do início dos anos 1970. Ele é preso e exilado. Fora do Brasil ele percebe que é preciso fazer uma autocrítica. Aprender com a história e com a vida. Ter a dimensão da realidade e coragem para interpretá-la. O filme fala sobre este aprendizado, esta transformação pela qual as pessoas e o país passaram nos anos de exceção no Brasil. No elenco, Silvia Buarque.

QUADRO DE COTAÇÕES / ACCPA
MARCO MOREIRA PEDRO VERIANO LUZIA ÁLVARES

“Khamsa” Muito Bom/-/-
-----------------------------------------------------------------------
“Toy Story 3” -/Excelente/Excelente
-----------------------------------------------------------------------
“Um Dia, Um
Gato” (DVD) Muito Bom/Muito Bom/Muito Bom
-----------------------------------------------------------------------
“De Repente
Califórnia”(DVD) Bom/-/ -
-----------------------------------------------------------------------
“O Padre”(DVD) Bom/Muito Bom/Muito Bom
-----------------------------------------------------------------------
“Coração
Louco”(DVD) Muito Bom/Bom/Muito Bom
-----------------------------------------------------------------------

SUPERNOVAS
*A co-produção Brasil-Espanha “Onde está a felicidade” com direção de Carlos Alberto Riccelli e roteiro de Bruna Lombardi, já tem garantida sua distribuição na Espanha. Estrelado por Bruno Garcia e também por Bruna Lombardi, o longa será lançado em terras espanholas pela Disney, no primeiro semestre de 2011. Do lado brasileiro, a produção é assinada pela Coração da Selva e pela Pulsar Cinema; do lado espanhol, pela Filmanova Invest (a mesma de “Mar adentro”). As filmagens terminam nas próximas semanas, depois de passar pelo Polo de Cinema de Paulínia e pelas cidades espanholas do Caminho de Santiago. “Onde está a felicidade” é o segundo longa de Riccelli e Bruna Lombardi depois de O signo da cidade
*A Riofilme e a Secretaria de Cultura do Estado estão finalizando os regulamentos e o sistema de inscrição do edital que será lançado em julho, e que destinará R$ 6 milhões ao setor audiovisual. “O foco será em desenvolvimento de projetos para cinema e TV, além de games e projetos multiplataforma”, avisa Sérgio Sá Leitão, presidente da Riofilme. Em setembro, a Secretaria de Cultura do Estado lança os editais do Prêmio Adicional de Renda e do Prêmio de Estímulo à Exibição.
*A animação da Pixar “Toy Story 3” (Disney) faturou alto em sua estreia nos Estados Unidos, com bilheteria de US$ 109 milhões em seus três primeiros dias de exibição. Isso faz do filme a animação mais rentável dos estúdios Disney/Pixar em sua estreia, superando o recordista anterior,” Os Incríveis” que abriu com US$ 70 milhões em 2004.
*”Marcha da Vida”, documentário de Jessica Sanders coproduzido pela Conspiração Filmes e pela FilmLand International, sobre a marcha anual realizada para lembrar o trajeto dos judeus para os campos de concentração, ganhou duas exibições exclusivas em Los Angeles na semana passada: uma na Creative Artists Agency e outra na American Jewish University. As exibições iniciam a campanha por uma indicação ao “Oscar” na categoria. Arnold Schwartzman, diretor do departamento de documentários do Oscar, e Ari Zev, executivo da Shoa Foundation, estiveram presentes na sessão da CAA. “Marcha da vida” será lançado no Brasil pela Europa e tem estreia prevista para novembro.
* O diretor M. Night Shyamalan já tem um novo roteiro e já contratou os protagonistas de seu próximo filme: Bradley Cooper, Gwyneth Paltrow e Bruce Willis, ator que já trabalhou com ele em “O Sexto Sentido” e “Corpo Fechado”.No momento, Shyamalan procura um estúdio para o projeto, que não teve título ou sinopse divulgada.
*A Associação de Críticos de Cinema do Pará (ACCPA) tem na internet um blog de cinema: http://www.accpara.blogspot.com/
*Acesse também “Odisséia”, meu blog sobre cinema e outros assuntos no endereço http://www.marcoantoniomoreira.blogspot.com/.
* Meu Twitter: www.twitter.com/marcomoreira_
* Confira nas sextas e sábados pela manhã, meus comentários sobre cinema na rádio O Liberal/CBN.

CRÍTICA/Cinema
“KHAMSA”
de Karim Dridi. Com Marc Cortes, Medhi Laribi e Raymond Adam.O cinema francês atual mantém a tendência de mostrar os conflitos de povos e raças que se misturam no país e que vivem num constante estado de choque que muitas vezes gera uma violência e uma desigualdade social graves e sem solução imediata. Alguns dos filmes de produção francesa exibidos no Cine Olympia em parceria com a Cinemateca da França no Brasil, tem nos dado a oportunidade de perceber essa preocupação com o tema. Em “Khamsa”, o diretor Karim Dridi mostra este conflito somado a questões sociais focando o dia a dia de uma garoto que deslocado socialmente e sem nenhuma estrutura familiar para lhe dar apoio, acaba caindo na rotina das ruas e da marginalidade, como uma única forma de sobrevivência. A perda da sua inocência e o rápido aprendizado em pequenos furtos, vão transformando este garoto num homem cada vez mais amargo e cada vez mais sem saída. Mas ao ver suas possibilidades de vida cada vez piores e sem apoio famíliar, ele luta com as armas que tem nas ruas de sua cidade e mesmo assim, sonha com um futuro diferente mas tudo se complica num acidente que envolve a morte de seu amigo, obrigando-o a fugir como única saída. Aqui, o diretor Karim Dridi usa uma narrativa onde não existe espaço para sentimentalismos e somente a dura realidade que aos poucos vai consumindo todos os personagens que desajustados e sem alternativas, vão encarando a vida da forma mais cruel e racional possível. Sem ser um filme original ou definitivo do gênero, “Khamsa” levanta questões interessantes que nos fazem refletir mostrando uma realidade que está nas ruas da França mais que com certeza pode ser encontrada nas esquinas de ruas de qualquer país. Não é o caso de comparar o filme com a abordagem de “Cidade de Deus” de Fernando Meireles, ótimo filme mais que agora é sempre visto como referência para realizações que tenham temas parecidos (o que é um exagero pois outros filmes importantes foram feitos sobre o tema antes do filme brasileiro e nem sempre são lembrados pelo grande público). Mas assim como “Cidade de Deus”, “Khamsa” revela um problema social latente que precisa de solução imediata. E o cinema, como arte de reflexão, está aqui fazendo a sua parte, denunciando e chamando a atenção do grande público para o problema. Veja sem falta.

D I C A S
Premiados do 2º Festival do Júri Popular : O Cine Líbero Luxardo está exibindo até hoje às 19h30, com entrada franca, os Premiados do 2º Festival do Júri Popular, que foi originalmente realizado em fevereiro deste ano. O festival aconteceu em salas de cinema de 19 capitais brasileiras, dentre elas Belém, em parceria com a Fundação Cultural do Pará Tancredo Neves. Realizado pela produtora carioca Sobretudo Produções, desde o ano passado, o festival tem como objetivo exibir e premiar, pelo voto direto do público presente nas sessões competitivas, filmes de curta e média metragens.A idéia de apresentar os vencedores da edição de 2010 do festival é uma forma de prestar contas com o público local, que ajudou na premiação dos títulos, bem como uma maneira de permitir que mais pessoas possam prestigiar os filmes que foram premiados nas categorias: Grande Prêmio, Melhor filme em Belém, Melhor Experimental, Melhor Animação, Melhor Documentário, Melhor Ficção, Melhor Atriz, Ator, Trilha Sonora, Direção, Direção de Arte, Roteiro, Fotografia e Montagem. Confira os filmes da programação:
- MURO, de Tião, 18', PE (Melhor Experimental)
- O ANÃO QUE VIROU GIGANTE, de Marão, 10', RJ (Melhor Animação)
- ÁUREA, de Zeca Ferreira, 16', RJ, fic. (Melhor Atriz, Trilha Sonora e Filme em Porto Alegre/RS)
- A GUERRA DE ARTURO(foto) de Júlio Taubkin e Pedro Arantes, 19', SP, fic. (Melhor Ficção, Direção, Roteiro, Ator, Filme em Belém/PA, Belo Horizonte/MG, Boa Vista/RR, Florianópolis/SC, Palmas/TO e São Luís/MA)
- DOIS MUNDOS, de Thereza Jessouroun, 15', RJ (Melhor Documentário e Filme em São Paulo/SP)
- TIMING, de Amir Admoni, 8', SP, fic. (Melhor Direção de Arte)
- A ARQUITETURA DO CORPO, de Marcos Pimentel, 21', MG, doc. (Melhor Fotografia)
- O DIVINO, DE REPENTE, de Fábio Yamaji, 7', SP, anim. (Melhor Montagem e Filme em Curitiba/PR)
- A ILHA, de Ale Camargo, 10', DF, anim. (Grande Prêmio e Melhor Filme em Maceió/AL, Recife/PE e Rio Branco/AC).

AGENDA
- Cineclube Alexandrino Moreira: O Cineclube Alexandrino Moreira, do Instituto de Artes do Pará (IAP), exibe dia 05/07 às 19 h, em parceria com a ACCPA, o filme “Luz de Inverno” de Ingmar Bergman. O filme estava programado para exibição amanhã mais foi adiado para a semana que vem.
- Espaço Municipal Cine Olympia: O filme “Khamsa” é o grande destaque da semana mostrando a história de um garoto que tem enfrentar a dura realidade das ruas de sua cidade. O filme está sendo exibido às 18:30 h, de terça à domingo, com entrada franca.Na Sessão Cinemateca, realizada em parceria com a ACCPA, será exibido hoje às 16 h a animação japonesa “O Serviço de Entrega de Kiki”de Hayao Miyazaki. Entrada Franca. Kiki é uma menina-bruxa que os pais mandam estudar na cidade grande. Montada em sua vassoura ela segue o caminho mais para manter-se no período de estudos passa a trabalhar numa lavanderia como entregadora de encomendas. Lá ela conhece outras personagens como uma gata amiga e falante chamada Gigi. Não perca.
- Cine Estação: Dias 30/06 e 01/07, será exibido o filme “Educação” que teve indicações ao “Oscar” deste ano. No filme, uma jovem de 16 anos vive com a família no subúrbio londrino em 1961 e sofre com o tédio de seus dias de adolescente e se vê atraída por um outro tipo de vida. Quando conhece Danny, um homem mais velho, ela vê um mundo de oportunidades surgir na sua vida e se entrega à este novo momento.

domingo, 20 de junho de 2010

FUTEBOL E CINEMA

Nesta época de Copa do Mundo, mais do que nunca o futebol é o tema preferido da grande maioria. Por isso, fiz uma pequena relação filmes que podem ser vistos sobre o tema, e que de alguma forma, estão dentro do espírito das pessoas que gostam e admira o futebol, como eu :
1) "Pelé Eterno" : o maior jogador de futebol do mundo num registro impressionante sobre sua carreira.
2) "Fuga para a Vitória" de John Huston : uma importante partida de futebol pode ajudar um corajoso plano de fuga em plena 2ª guerra mundial.
3) "Boleiros - Era Uma Vez o Futebol" de Ugo Giogetti : um grupo de ex-jogadores se reúne para contar histórias de suas carreiras.
4)"Todos os Corações do Mundo" : documetário da FIFA sobre a Copa do Mundo de 94 que felizmente teve como vencedor, nossa seleção.
5) "O Milagre de Berna" :Berna foi acidade suiça na qual foi disputada a copa de Mundo de 54. A reconstituição do jogo final é um dos grandes momentos do futebol no cinema.
6)"Garrincha : A Alegria do Povo" : documentário sobre o grande Garrincha, um dos maiores jogadores de todos os tempos.



CINE TROPPO - DOMINGO DIA 20/06/10

CINE-TROPPOMarco Antonio Moreira Carvalho

CINEMA/Lançamentos da Semana
Caso não haja nenhuma modificação de última hora, as estréias da semana são “Toy Story 3” , “Educação” e “Kashma”.
“Toy Story 3” traz Woody ( Tom Hanks), Buzz ( Tim Allen) e toda a turma de volta quando o garoto Andy se prepara para ir para a faculdade e seus leais brinquedos vão parar numa creche. Mas esses bravos brinquedos se unem e serão todos por um e um por todos, enquanto implementam seu plano da grande fuga. Embarcam com eles nesta aventura novos personagens incluindo o famoso solteiro e festeiro acompanhante da Barbie, Ken ; o ator e ouriço de jardineira, Espeto ; e um ursinho de pelúcia rosa com cheiro de morango, chamado Lotso Ursinho Fofo. O filme tem tudo para ser mais um sucesso mundial como foi “Toy Story” e “Toy Story 2”. O filme será exibido somente em cópias dubladas e infelizmente, em nossa cidade, ainda sem a exibição em 3D.
Em “Educação”, Jenny tem 16 anos e vive com a família no subúrbio londrino, em 1961. Inteligente, ela sofre com o tédio de seus dias de adolescente e aguarda impacientemente a chegada da vida adulta. Seus pais alimentam o sonho de que ela vá estudar em Oxford, mas a moça se vê atraída por um outro tipo de vida. Quando conhece Danny, homem charmoso e mais velho, ela vê um mundo novo se abrir diante de si. O filme teve indicações ao “Oscar” deste ano e será exibido no Cine Estação nos dias 23 e 24/06 e depois nos dias 30/06 e 01/07.
“Kashma” é dirigido por Karim Dridi. Depois de fugir de sua família adotiva, Khamsa volta para o acampamento cigano onde nasceu. Nada parece ter mudado desde que ele foi forçado a partir até que seu melhor amigo Coyote conhece Rachitique, um ladrãozinho, com quem começa a realizar pequenos furtos. A juventude e a inocência de Khamsa irão rapidamente acabar à medida que ele desce numa espiral de delinqüência. O filme foi exibido na 32a Mostra Internacional de Cinema - São Paulo e será exibido no Cine Olympia de terça à domingo às 18:30 h a partir do dia 22/06.

QUADRO DE COTAÇÕES / ACCPA
MARCO MOREIRA/PEDRO VERIANO/LUZIA ÁLVARES
“As Testemunhas” Muito Bom/-/ -
------------------------------------------------------------
“Duas Senhoras” Muito Bom/Muito Bom/Excelente
------------------------------------------------------------
“Amor sem
Escalas”(DVD) Bom/Muito Bom/Muito Bom
------------------------------------------------------------
“A Roda”(DVD) Excelente/Excelente/-
------------------------------------------------------------
“Educação” Bom/Muito Bom/Muito Bom
------------------------------------------------------------
“Invictus”(DVD) Excelente/Muito Bom/Muito Bom
------------------------------------------------------------

SUPERNOVAS
*O primeiro curta de animação brasileiro em 3D, “BugiGangue - Controle terremoto” foi exibido no sábado, 5 de junho, no Cinemark Shopping Eldorado, em São Paulo, em duas sessões que reuniram 400 convidados. Realizado pela produtora 44 Toons, o filme conta a aventura intergaláctica de Gustavinho e seus amigos. Segundo o diretor e sócio da 44 Toons, Ale McHaddo, o curta, que também será exibido no festival Anima Mundi, tem chances de se transformar em um longa 3D. McHaddo será o moderador da mesa dedicada ao 3D no Anima Fórum, no dia 23 de julho, quando serão debatidas as possibilidades, os diversos formatos disponíveis e as técnicas de produção da tecnologia em três dimensões.
*O diretor Sam Raimi (Homem-Aranha) está confirmado na direção do prelúdio de “O Mágico de Oz” que se chamará “Oz: The Great and Powerful” (Oz: O Grande e Poderoso) e será lançado em 3D, com estreia prevista para 2012. O longa se passa antes de “O Mágico de Oz” original, e a história é focada no mágico, e como ele foi parar em Oz. Robert Downey Jr. (Homem de Ferro 2) vai interpretar o mágico.As filmagens começam no início de 2011.
*”Avatar”, a maior bilheteria da história, será relançado nos cinemas nacionais.A Fox Films Brasil marcou a reestréia para o dia 27 de Agosto.Não foi informado se o longa contará com os cinco minutos de cenas adicionais prometidos pelo diretor, James Cameron. A empresa aproveitará que mais cinemas se equiparam com a tecnologia 3D, para relançar o filme.Espero que os cinemaníacos da cidade também possam ver o filme em 3D, o que não aconteceu no seu lançamento em dezembro do ano passado.
*O diretor Marc Foster (007- Quantum of Solace) assinou contrato para comandar Gerard Butler (Código de Conduta) em “Machine Gun Preacher”, baseado na história real de Sam Childers, um extraordinário homem que dedicou sua vida e seus recursos para resgatar crianças que vivem na zona de conflito do Sudão.
*O roteirista Tony Gilroy, que foi responsável pelos scripts dos três filmes anteriores da série “Bourne”, fará o mesmo trabalho na quarta produção, cujo título provisório é "The Bourne Legacy".Segundo a imprensa americana, Matt Damon pode não ser o protagonista já que diretor Paul Greengrass, diretor dos últimos dois filmes, não está na produção..
*O primeiro complexo da rede mexicana Cinépolis no Brasil, que foi inaugurado na última quinta-feira, dia (17 para convidados e na sexta dia18 para o público, será o primeiro do país com três salas equipadas com projetores digitais 3D. A tecnologia adotada no Brasil será a Real D – mesma dos complexos do grupo no México. O cinema está situado no Shopping Santa Úrsula, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, e terá oito salas .Em breve, a Cinepólis chega em Belém no Boulevard Shopping com 07 salas ampliando o parque de exibição local.
*O documentário “Chantal Akerman” de Gustavo Beck e Leonardo Luiz Ferreira, foi o único filme brasileiro selecionado para a competição do Festival Internacional de Documentários de Marseille, que se realiza entre os dias 7 e 12 de julho, na França. A competição inclui ainda Everyday Madonna (Líbano), Dupa revolutie (Romênia), Matamoros (México), Somos nosotros (Argentina), e El eco de las canciones e Tres semanas despues (Chile).
*A Associação de Críticos de Cinema do Pará (ACCPA) tem na internet um blog de cinema: http://www.accpara.blogspot.com/
*Acesse também “Odisséia”, meu blog sobre cinema e outros assuntos no endereço http://www.marcoantoniomoreira.blogspot.com/.
* Meu Twitter: www.twitter.com/marcomoreira_
* Confira nas sextas e sábados pela manhã, meus comentários sobre cinema na rádio O Liberal/CBN.

CRÍTICA
“DUAS SENHORAS” de Philipe Faucon. Com Houria Belhadji, Sabrina Ben Abdallah e Mohamed Chabane-Chaouche.

O mundo hoje vive momentos constantes de intolerância, em vários níveis. Intolerância religiosa, política e cultural. E o cinema, de várias formas, sempre abordou este tema com muita preocupação e realismo. Em “Duas Senhoras”, produção francesa de 2007 que somente agora chega aos nossos cinemas, o tema volta a ser abordado de forma inteligente através de Esther, uma senhora judia já idosa que necessita de cuidados constantes de enfermeiras mais que tem um temperamento difícil. Até que a mãe de sua enfermeira diurna é contratada. Por ser mulçumana, os conflitos com a mãe da enfermeira surgem imediatamente mais aos poucos as diferenças entre estas duas mulheres vão diminuindo com cada uma compreendendo o valor de suas idéias e costumes. De forma simples, o diretor Faucon é direto na construção dos personagens, mostrando as suas diferenças e permitindo que o espectador identifique seus valores e dogmas que inicialmente parecem ser uma grande barreira mais que aos poucos servem de referência para uma mudança pessoal em cada uma e para uma forte amizade que nasce entre elas que acima de qualquer coisa, aprendem a conviver com suas necessidades e diferenças, num exemplo que acaba incomodando a famílias de ambas que não querem entender que sim, é possível pensar e sentir o mundo de forma diferente e ao mesmo tempo conviver, aceitar, tolerar, respeitar. Com um roteiro simples e objetivo, Faucon mostra ao espectador que é possível ser diferente e conviver com as diferenças. Nada mais oportuno para o cinema que como arte, deve explorar estes temas com mais freqüência. Destaque para a direção de Faucon e principalmente para a atuação das duas atrizes que vivem este belo drama que merece ser visto por quem gosta de cinema.

D I C A S
DVD/SHOW
: Paul McCartney é um dos grandes nomes do rock e que tem feito muitos shows nos últimos anos. Agora, chega ao mercado brasileiro o DVD “Paul McCartney Live in Canada” com McCartney tocando cada vez melhor com sua excelente banda. No repertório, músicas tradicionais de seus shows como “Let it Be”, “Jet” e “Peeny Lane” além de outras canções famosas mas novas ao vivo como “Mrs. Vanderbil”(do álbum “Bando n the Run”) e “Dance Tonight”(de seu último álbum). Como sempre, vale a pena ver e ouvir McCartney, o eterno Beatle.
BLU-RAY : O clássico de Alfred Hitchcock "Psicose" completa 50 anos como uma obra-prima do cinema reconhecida mundialmentes.Apesar de ter estreado com algumas críticas desfavoráveis em 16 de junho de 1960 em uma sala nova-iorquina, o filme acabou convencendo a indústria e o público, que meio século depois continua fã desta obra emblemática."Psicose" voltou aos cinemas em abril no Reino Unido e em 19 de outubro vai ganhar uma edição especial em formato blu-ray."Psycho 50th Anniversary Edition" incluirá uma versão remasterizada do filme em alta definição e contará com inúmeros conteúdos extras, entre estes um documentário sobre como foi realizado o filme, o trailer original e uma análise da inconfundível cena do chuveiro.
TV POR ASSINATURA: “Veludo Azul” de David Lynch tem Dennis Hooper e Isabella Rosselini no elenco e é uma produção de 1986 que é considerada um dos melhores filmes do diretor. Uma pacata cidade esconde perigosas histórias e caberá ao jovem Jeffrey desvendar uma delas. Ao retornar à cidade para assumir os negócios da família, o rapaz encontra um pedaço humano em um terreno. Movido por sua curiosidade, vai envolvendo-se com uma misteriosa cantora e um psicopata viciado. Dennis Hooper, falecido recentemente, tem aqui uma atuação memorável. (Telecine Cult – Dias 20 e 22/06).

AGENDA
- Cineclube Alexandrino Moreira: O Cineclube Alexandrino Moreira, do Instituto de Artes do Pará (IAP), exibe amanhã, dia 21/06 às 19 h, em parceria com a ACCPA, o filme “Vergonha” de Ingmar Bergman com Max Von Sidow e Liv Ullman. É um dos grandes filmes da história do cinema. Não perca. Entrada Franca e logo e seguida ao filme, debate entre o público presente e críticos da ACCPA.
- Espaço Municipal Cine Olympia: O filme “Duas Senhoras” de Philippe Faucon será exibido até domingo, dia 20/06. Esther é judia e, já idosa, necessita de cuidados constantes de enfermeiras mais o seu temperamento mal-humorado afugenta todas. Até que seu filho contrata Halima, que é muçulmana. Contra todas as probabilidades, as duas mulheres constroem uma forte e íntima amizade. Entrada franca com sessão às 18:30 h.
- Cine Líbero Luxardo: "As Testemunhas” de André Téchiné com Michel Blanc será exibido até hoje às 19:30 h.O filme se passa em 1984. Manu é um jovem de 20 anos, que chega a Paris em busca de trabalho. Um dia ele conhece Adrien, Sarah e Mehdi , um casal amigo de Adrien que enfrenta problemas no casamento. Como pano de fundo, a eclosão da AIDS e o medo que desestabiliza amizades e casamentos.
- Cine Estação : Nos dias 23 e 24/06 e 30/06 e 01/07, será exibido o filme “Educação” que teve indicações ao “Oscar” deste ano.

domingo, 13 de junho de 2010

CINE TROPPO DOMINGO DIA 13/06/10

CINE-TROPPO
Marco Antonio Moreira Carvalho

CINEMA/Lançamentos da Semana
Caso não haja nenhuma modificação de última hora, as estréias da semana são “Esquadrão Classe A”, “Plano B” e “Cartas para Julieta”.
“Esquadrão Classe A” foi uma série de televisão exibida originalmente pela rede de televisão NBC, entre os anos de 1983 e 1987, sobre um grupo fictício de ex-comandos do Exército dos Estados Unidos actuavam como mercenários, utilizando práticas comuns da Guerra do Vietnã. Agora, a série tem seu primeiro longa-metragem.Em 2003, uma unidade operacional de elite foi condenada pela corte militar por um crime que não cometeu. Mas estes homens escaparam rapidamente da prisão de segurança máxima e passaram a viver clandestinamente no submundo de Los Angeles. Hoje, ainda procurados pelo governo, sobrevivem como mercenários. Joe Carnahan (A Última Cartada) dirige o longa, e a produção é de Ridley Scott (Robin Hood).
Em “Plano B”. após anos de inúmeros namoros, Zoe decidiu que esperar pelo homem certo estava demorando demais. Determinada a se tornar mãe, ela decide fazer uma inseminação artificial. No dia da consulta, ela vai sozinha e conhece Stan um homem que apresenta reais possibilidades. No elenco, Jennifer Lopez, Alex O´Loughlin e Danneel DeWulf.
Em “Cartas para Julieta”, uma jovem americana viaja para Verona, Itália, a famosa e inspiradora cidade onde foi criada a personagem Julieta Capuleto - da clássica obra "Romeu e Julieta". É neste local que ela descobre um grupo de pessoas que costuma responder às cartas - deixadas num muro - daqueles em busca de conselhos sobre o amor. A garota então responde a uma dessas cartas, datada de 1951, o que acaba inspirando a autora a viajar para a Itália em busca daquele que sempre foi sua verdadeira paixão. O fato também desencadeia uma série de eventos que irá mudar a vida de todos. No elenco, Amanda Seyfried, Vanessa Redgrave, Gael García Bernal,

QUADRO DE COTAÇÕES/ACCPA
MARCO MOREIRA/PEDRO VERIANO/LUZIA ÁLVARES
“Stella””
(DVD) Bom/Muito Bom/Muito Bom
-----------------------------------------------------------------------
“O Fantástico
Sr. Raposo” (DVD) Muito Bom/Bom/Bom
-----------------------------------------------------------------------
“A Turba” Excelente/Excelente/Excelente
-----------------------------------------------------------------------
“O Príncipe da
Pérsia” -/Razoável/Razoável
------------------------------------------------------------------------
“Nine”(DVD) Razoável/Razoável/Razoável
------------------------------------------------------------------------
“Mãe”(DVD) Excelente/Excelente/Excelente
------------------------------------------------------------------------

SUPERNOVAS
*Um acervo cinematográfico com mais de 70 filmes da época do cinema mudo foi encontrado em 2009 quando Brian Meacham, dos arquivos da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas americana, visitou Steve Russell, diretor do arquivo cinematográfico da Nova Zelândia. Russell informou a Meacham que o arquivo neozelandês guardava dezenas de filmes americanos das primeiras décadas do século passado e que tinham ficado na Nova Zelândia porque, naqueles tempos, os estúdios consideravam que o frete de volta era muito caro.Segundo a NFPF, pelo menos 75 desses filmes estão sendo devolvidos sistematicamente aos EUA, onde são preservados em cinco laboratórios. A NFPF já postou em seu site dois segmentos do filme "The Sergeant", da Selig Polyscope Company, produzido em 1910. Filme de um único rolo, "The Sergeant" mostra a presença militar americana no vale de Yosemite, no oeste dos Estados Unidos, antes da criação do Serviço de Parques Nacionais. Alguns dos filmes datam de 1898 e, segundo a NFPF, aproximadamente 70% das cópias em nitrato estão virtualmente completos e mais de dois terços das fitas têm tintura de cores
*Estarão abertas até dia 12 de julho as inscrições para obras audiovisuais brasileiras no banco de dados da Programadora Brasil. Os títulos devem ter duração mínima de cinco minutos e máxima de 30, não sendo aceitas séries para TV. As obras podem ser de qualquer gênero e ano, desde de que tenham o CPB (Certificado de Produto Brasileiro), emitido gratuitamente pela Ancine. Mais informações no site http://www.programadorabrasil.org.br/inscreva_seu_filme.
*A revista Variety acaba de publicar uma crítica positiva do filme “5x Favela – Agora por Nós Mesmos”, que teve sua première mundial no dia 18 de maio, no Festival de Cannes. O filme será lançado no Brasik no dia 20 de agosto, pela Sony em parceria com a Riofilme. Confira o texto neste link.
*Confira as maiores bilheterias da semana no Brasil :1. Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo (R$ 4 milhões),2. Fúria de Titãs (R$ 3,9 milhões),3. Sex and the City 2 (R$ 1,2 milhão),4. Alice no País das Maravilhas (R$ 1,06 milhão),5. Robin Hood (R$ 1,05 milhão),6. Marmaduke (R$ 688 mil),7. Homem de Ferro 2 (R$ 525 mil),8. O Golpista do Ano (R$ 498 mil),9. O Escritor Fantasma (R$ 217 mil) e10. Quincas Berro D'Água (R$ 178 mil)
*Confira as maiores bilheterias da semana nos EUA:1. Shrek Para Sempre (US$ 25,3 milhões),2. Get Him To The Greek (US$ 17,4 milhões),3. Par Perfeito (US$ 16,1 milhões),4. Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo (US$ 13,9 milhões),5. Sex and the City 2 (US$ 12,6 milhões),6. Marmaduke (US$ 11,3 milhões),7. Homem de Ferro 2 (US$ 7,7 milhões),8. Splice (US$ 7,4 milhões),9. Robin Hood (US$ 5,1 milhões) e10. Cartas para Julieta (US$ 3 milhões).
* O Cineclube Alexandrino Moreira exibirá dias 21 e 28 de junho, duas obras-primas do mestre Ingmar Bergman: “Vergonha”(1968) e “Luz de Inverno”(1961). São oportunidades únicas de ver ou rever dois dos melhores filmes deste grande cineasta. A exibição acontecerá no auditório do IAP às 19 h com entrada franca.
*A Associação de Críticos de Cinema do Pará (ACCPA) tem na internet um blog de cinema: http://www.accpara.blogspot.com/
*Acesse também “Odisséia”, meu blog sobre cinema e outros assuntos no endereço http://www.marcoantoniomoreira.blogspot.com/.
* Meu Twitter: www.twitter.com/marcomoreira_
* Confira nas sextas e sábados pela manhã, meus comentários sobre cinema na rádio O Liberal/CBN.

OPINIÃO
O Cinema e o Público
Há quem seja contra a sistemática cineclubista (Filme + Debate), argumentando: “Eu não vou dividir com os outros, o que eu não precisei deles para aprender, tudo que sei é porque aprendi sozinho, fruto de minha própria curiosidade.”. Há também quem seja contra os filmes legendados, argumento: “Se eu quiser ler, fico em casa lendo um livro, não vou ao cinema.”. E por sua vez, logicamente, há quem seja contra os filmes dublados, mas esse não precisa de argumentos, basta assistir a um filme dublado para entender, salvo claro, algumas exceções. Mas quando o assunto é cinema, o que não há?! Por ser uma arte tão democrática, o cinema consegue satisfazer vário públicos, dentro, claro, da área de interesse de cada um. Todo dia diversos filmes são produzidos, idealizados, lançados, exibidos em todo mundo e a demanda por mais filmes, é crescente. Aos fins de semana entrar na fila para comprar um ingresso no horário desejado, nos cinemas comerciais da cidade de Belém é uma verdadeira aventura e há quem saia descontente, ou porque não comprou o ingresso para a sessão pretendida, ou para o filme desejado. Há também quem nem conseguiu comprar o ingresso ou até desistiu do mesmo. É, nem sempre o cinema é a maior diversão, não?
Paralelo a essa disputa pelo melhor lugar nas sessões dos grandes blockbusters, há na cidade uma explosão de cineclubes. Os cineclubes trazem uma alternativa tentadora aos amantes da sétima arte. Em filmes com apenas uma sessão e com entrada franca, os amantes do cinema arte, tem a oportunidade de conhecer ou rever raridades do cinema, clássicos cinematográficos imortais, em sessões geralmente quinzenais. Mas as opções são diversas, de modo que há semanas onde é possível assistir um filme por dia, cada dia em lugar diferente, lugares diversos, em várias partes da cidade de Belém. Filmes estes, geralmente seguidos de debates, os quais nos motivam a voltar e a exigir sempre mais do cinema. O retorno é garantido, basta saber o que e onde procurar.
Tem sensações que só o cinema tem o poder de nos submeter, se não como explicar que filmes como “Do mundo nada se leva” de Frank Capra (A Felicidade Não se Compra, Aconteceu Naquela Noite) um filme de 1938 e “O Mágico de Oz” de Victor Fleming (E o Vento Levou, Marujo Intrépido) um filme de 1939, consigam emocionar tanto uma sala inteira de cinema a ponto de serem aplaudidos ao fim de ambas as sessões. Ainda mais levando em consideração que a primeira película é em preto e branco e foi exibida em 2009 na Sessão Cult organizada pela ACCPA em parceria com o Cine Líbero Luxardo e na segunda, exibida em 2010, na programação especial de aniversário do Cine Olympia, a maioria dos espectadores presentes na sala de projeção eram crianças. Mesmo concordando em parte com uma fala do personagem de Leo G. Carroll, no Filme “Intriga Internacional” do mestre Alfred Hitchcock (Um Corpo que Cai, Psicose): “O mundo é um inferno. Mesmo quando é frio.”, em uma sala de projeção eu me sinto muito perto do paraíso. (Salma Nogueira)

D I C A S
BLU-RAY
: “Dumbo – Edição de 70º Aniversário”, produção de 1941 dos estúdios Disney, será lançado em blu-ray de alta qualidade trazendo o desenho animado original com imagens restauradas e bons extras como os especiais “A Magia de DUMBO: Um Ritual de Passagem”, “* O Design Sonoro - Trecho de O Dragão Relutante”, Curtas(“O Elefante Elmer”, “O Rato Voador “) e Jogos (O Que Você Vê?"/" O Que Você Sabe?"). Vale a pena conferir.
CURSOS: "CINEMA PARA CRIANÇAS"(de 8 à 12 anos). Datas: 16 à 29 de junho de 2010.O curso de cinema para crianças consiste em uma série de atividades de iniciação de crianças na linguagem cinematográfica, construção de roteiro para cinema, gravação e edição para novas mídias. O curso despertará nas crianças um olhar cinematográfico mais abrangente e promoverá a produção de vídeos mais elaborados onde cada aluno terá a oportunidade de viabilizar seus projetos sonhados. O curso inédito em Belém é o primeiro passo ao conhecimento da ortografia cinematográfica para os futuros cineastas da cidade. As crianças terão a oportunidade de aprender e também a publicar suas obras na internet, seguindo o método da escola de cinema de Buenos Aires propondo que alunos possam aprender cinema fazendo filmes.Maiores informações pelo fone 33434254.

AGENDA
- Cineclube Alexandrino Moreira: O Cineclube Alexandrino Moreira, do Instituto de Artes do Pará (IAP), exibe dia 21/06 às 19 h, em parceria com a ACCPA, o filme “Vergonha” de Ingmar Bergman com Max Von Sidow e Liv Ullman. É um dos grandes filmes da história do cinema. Não perca. Entrada Franca e logo e seguida ao filme, debate entre o público presente e críticos da ACCPA.
- Espaço Municipal Cine Olympia: Em exibição, o filme “Duas Senhoras” de Philippe Faucon. Esther é judia e, já idosa, necessita de cuidados constantes de enfermeiras mais o seu temperamento mal-humorado afugenta todas. Até que seu filho contrata Halima, que é muçulmana. Contra todas as probabilidades, as duas mulheres constroem uma forte e íntima amizade. Na Sessão Fantasia, mais uma iniciativa em parceria com a ACCPA, hoje às 16 h, será exibido “A Canção do Sul”. Entrada franca.
- Cine Líbero Luxardo: Está em exibição o filme “As Testemunhas” de André Téchiné com Michel Blanc , Emmanuelle Béart e Julie Depardieu.O filme se passa em 1984. Manu (Johan Libéreau) é um jovem de 20 anos, que chega a Paris em busca de trabalho. Um dia ele conhece Adrien (Michel Blanc), Sarah (Emmanuelle Béart) e Mehdi (Sami Bouajila), um casal amigo de Adrien que enfrenta problemas no casamento. Como pano de fundo, a eclosão da AIDS e o medo que desestabiliza amizades e casamentos. Em exibição de 10 a 13 e de 17 a 20 de junho, às 19h30.

sábado, 12 de junho de 2010

O SENHOR DO TEMPO

Hoje é dia dos namorados. Dia de lembranças, de momentos. Lembrei desssa bela música de Milton Nascimento e Caetano Veloso, "Senhor do Tempo", feita para a trilha sonora do filme "O Coronel e o Lobisomem". Letra e música em puro estado de poesia. Uma canção de amor, sobre o amor.Música para se ouvir, pensar e ser feliz.

"SENHOR DO TEMPO"
Música : Milton Nascimento/Letra:Caetano Veloso
Quando nasce o dia,
O tempo dispara.
Ou será que pára,
Pra ver o sol se levantar?
Quem será que manda na vida?
Quem dá a partida?
Quem que reinventa a luz?
Quem que faz esses azuis?
Como é mesmo que anda o tempo?
Será, sempre assim, tão lento?
Será que passa é por dentro de nós?
Será que é o sol que ordena,
E o tempo que obedece?
Ou será que o sol só desce,
Quando o tempo eleva a luz? Vós!
Passa o tempo, passa a estrada,
Ou será que nada passa?
Nada conta além da graça do amor.
O Amor que é raio e centro,
Eternidade e momento,
Nosso solidário redentor.
Único Senhor do Tempo,
Amor!

Veja Milton, Caetano e cantora Marina Machado ao vivo cantando esta bela música:

Feliz Dia dos Namorados!!


quarta-feira, 9 de junho de 2010

"AS TESTEMUNHAS" NO CINE LÍBERO LUXARDO - DE 10 À 20/06/10


"AS TESTEMUNHAS"
Titulo original: (Les Témoins)
Direção: André Téchiné
Com Michel Blanc , Emmanuelle Béart e Julie Depardieu e Johan Libéreau
Sinopse:1984. Manu (Johan Libéreau) é um jovem de 20 anos, que chega a Paris em busca de trabalho. Um dia ele conhece Adrien (Michel Blanc), Sarah (Emmanuelle Béart) e Mehdi (Sami Bouajila), um casal amigo de Adrien que enfrenta problemas no casamento. Como pano de fundo, a eclosão da AIDS e o medo que desestabiliza amizades e casamentos.
"AS TESTEMUNHAS"
Cine Líbero Luxardo
De 10 a 13 e de 17 a 20 de junho, às 19h30.
APOIO : ACCPA

domingo, 6 de junho de 2010

PROGRAMAÇÃO CINECLUBE OI ESTAÇÃO - DIA 09/06/10


Cine Clube Oi Estação - Cinema na Orla
Programação de Quarta-feira - 9 de junho

Curta-metragem: “Matinta Perera”
Direção : Jorge Vidal
Com Adriano Barroso.
Sinopse :Quem não conhece a lenda amazônica da Matinta Perera, contada e recontada e até já musicalizada por Tom Jobim. A velha ou uma espécie de pássaro (a forma varia de lugar pra lugar) assobia pedindo fumo e assombra as crianças. O curta-metragem “Matinta Perera” (2004), de Jorge Vidal, aplica a lenda da Matinta sobre a realidade atual da periferia de Belém. O filme de 15 minutos já foi premiado em festivais como Prêmio Ver-o-Peso (melhor vídeo nacional), I Festival de Belém do Cinema Brasileiro (melhor ator para Adriano Barroso, que faz o papel do pai) e o Guarnicê do 28º Festival Guarnicê de Cinema de São Luis (melhor roteiro para Jorge Vidal).

Longa-metragem:"Não por Acaso"
Direção : Philippe Barcinski.
Com Rodrigo Santoro, Leonardo Medeiros e Letícia Sabatella.
Sinopse :Ênio (Leonardo Meideiros) é um engenheiro de trânsito que comanda o fluxo de carros em São Paulo. Ele possui uma mania de controle que também se reflete em sua casa, onde suas ações são extremamente controladas. Ele se surpreende quando reencontra Mônica (Graziella Moretto), sua ex-mulher, que lhe diz que sua filha Bia (Rita Batata), de 16 anos, deseja conhecê-lo. O encontro é adiado devido a um acidente sofrido por Mônica, que atropela Teresa (Branca Messina). Ambas morrem, o que faz com que Ênio e Pedro (Rodrigo Santoro), namorado de Teresa e dono de uma marcenaria especializada na construção de mesas de sinuca, entrem em luto. Seis meses depois Bia encontra Ênio, mas pai e filha enfrentam dificuldades em se relacionar. Já Pedro é forçado a visitar o antigo apartamento de Teresa, onde agora vive Lúcia (Letícia Sabatella).
CINECLUBE OI ESTAÇÃO
QUARTA-FEIRA DIA 09/06/10
"MATINTA PERERA"/"NÃO POR ACASO"
HORÁRIO : 19 H
ENTRADA FRANCA
APOIO : ACCPA

CINE TROPPO DOMINGO DIA 06/06/10


CINE-TROPPO
Marco Antonio Moreira Carvalho

CINEMA/Lançamentos da Semana
Caso não haja nenhuma modificação de última hora, as estréias da semana são “O Princípe da Pérsia – As Areias do Tempo” e “Duas Senhoras”.
“O Principe da Pérsia : As Areias do Tempo”” é uma das maiores produções dos estúdios Disney deste ano. Produzido pela mesma equipe de “Piratas do Caribe”, o filme é um épico de ação e aventura ambientado na mística Pérsia. Um príncipe guerreiro relutantemente une forças com uma misteriosa princesa e, juntos, eles lutam contra forças obscuras para salvaguardar uma antiga adaga capaz de libertar as Areias do Tempo - um dom dos deuses que dá à pessoa que o possui o poder de controlar o mundo. No elenco, Gemma Arterton, Jake Gyllenhaal, Ben Kingsley, Alfred Molina, Dave Pope, Thomas DuPont, Steve Toussaint e Toby Kebbell. O filme está sendo exibido em cópias dubladas e legendadas. Algumas curiosidades do filme : - Orlando Bloom ( O Senhor dos Anéis) foi cotados para o papel do príncipe Dastan - o orçamento do filme foi de US$ 150 milhões - a produção foi filmada nas cercanias de Marrakesh, Ouarzazate e Erfoud, no Marrocos. Além disso, foram construídos cenários gigantescos nos estúdios Pinewood na Grã-Bretanha.
“Duas Senhoras” (foto) é uma elogiada produção francesa dirigida por Phillippe Faucon. No filme , Esther é judia e, já idosa, necessita de cuidados constantes de enfermeiras mas o seu temperamento mal-humorado afugenta todas. Seu filho, Elie, não sabe mais o que fazer até que por sugestão de Selima, a enfermeira diurna, contrata sua mãe Halima, que é muçulmana. Contra todas as probabilidades ,as duas mulheres constroem uma forte e íntima amizade. Halima é uma mulher orgulhosa e sensível e seu bom humor e energia darão a Esther uma nova lição de vida. O filme está sendo exibido no Cine Olympia até o dia 20/06 com o apoio do Consulado Geral da França, Cinemateca da Embaixada da França no Brasil e CulturesFrance.

QUADRO DE COTAÇÕES - ACCPA
MARCO MOREIRA/PEDRO VERIANO/LUZIA ÁLVARES
“Era Uma Vez
em Tóquio” Excelente/Excelente/Excelente
-------------------------------------------------------------------------
“Estamos Todos
Bem”(DVD) Bom/Muito Bom/Muito Bom
-------------------------------------------------------------------------
“A Turba” Excelente/Excelente/Excelente
-------------------------------------------------------------------------
“7 Anos” Muito Bom/Bom/Bom
-------------------------------------------------------------------------
“Um Homem
Sério”(DVD) Excelente/Muito Bom/Muito Bom
-------------------------------------------------------------------------
“Mãe”(DVD) Excelente/Muito Bom/Muito Bom
-------------------------------------------------------------------------

SUPERNOVAS
*A produção tailandesa “Uncle Boonmee Who Can Recall His Past Lives”, de Apichatpong Weerasethakul, vencedora da Palma de Ouro do Festival de Cannes, será lançada no Brasil pela Filmes da Mostra, de Leon Cakoff e Renata de Almeida. Outros três filmes de Cannes chegarão ao mercado brasileiro pela distribuidora da Mostra de São Paulo: o italiano “Le Quattro Volte” de Michelangelo Frammartino, a produção do Quirguistão” The Light Thief” de Aktan Arym Kubat (ambos exibidos na Quinzena dos Realizadores), e a coprodução lusobrasileira “O Estranho Caso de Angélica”, de Manoel de Oliveira. Leon e Renata foram coprodutores do longa de Manoel de Oliveira, que abriu com sucesso a mostra “Um Certo Olhar” de Cannes, e traz no elenco Ana Maria Magalhães. Os filmes devem ter suas primeiras exibições por aqui na Mostra de São Paulo, que se realiza entre 22 de outubro e 4 de novembro.
* Após vários atrasos nas filmagens, problemas financeiros da MGM e uma série de incertezas, o diretor Guillermo del Toro anunciou que está fora da direção de “O Hobbit I e II”..Mesmo sem dirigir, del Toro continua trabalhando no roteiro ao lado de Peter Jackson, que segue como produtor executivo.
*A sequência do fenômeno comercial “Atividade Paranormal” pode ter a atriz Katie Featherston novamente no elenco.Katie estrelou o primeiro filme, ao lado do ator Micah Sloat. Tod Williams (Provocação) vai dirigir.A Paramount deseja lançar “Atividade Paranormal 2” no dia 22 de outubro de 2010.
*O diretor Woody Allen felizmente não pará. Seu novo filme, “Midnight in Paris” teve a lista oficial do elenco anunciada: Kathy Bates, Adrien Brody, Carla Bruni, Marion Cotillard, Rachel McAdams, Michael Sheen e Owen Wilson. As filmagens começam em Paris entre junho e julho.A história é uma comédia dramática romântica que se passa em Paris. Atualmente, Allen está filmando “You Will Meet a Tall Dark Stranger”, em Londres.
*A distribuidora Moviemobz fechou acordo para a transmissão do festival “Big Four” em cinemas brasileiros através de seu novo departamento, a LiveMobz. O evento, que acontecerá no dia 22 de junho em Sofia, na Bulgária, traz grandes nomes do heavy metal encabeçados pelo Metallica, e será exibido ao vivo, via satélite, em aproximadamente 800 cinemas de 29 países da América do Norte, Europa e América Latina. Os direitos do evento também incluem três reprises nas semanas seguintes.
*A Sony Pictures divulgou um novo cartaz do drama “Comer, Rezar e Amar” (Eat, Pray, Love). Julia Roberts, James Franco (Milk), Billy Crudup (Watchmen) e Javier Bardem são os protagonistas. Ryan Murphy (da série de TV Nip/Tuck) roteiriza e dirige. O longa estreia no Brasil em 24 de Setembro.
*Depois do grupo Cinepólis, o segundo maior grupo exibidor mexicano, o Cinemex, também está estudando entrar no mercado brasileiro de exibição. A Cinépolis, maior grupo do México, inicia suas operações no Brasil em julho em Ribeirão Preto.
*A Associação de Críticos de Cinema do Pará (ACCPA) tem na internet um blog de cinema: http://www.accpara.blogspot.com/
*Acesse também “Odisséia”, meu blog sobre cinema e outros assuntos no endereço http://www.marcoantoniomoreira.blogspot.com/.
* Meu Twitter: www.twitter.com/marcomoreira_
* Confira nas sextas e sábados pela manhã, meus comentários sobre cinema na rádio O Liberal/CBN.

CRÍTICA
“UM HOMEM SÉRIO" de Joel e Ethan Cohen
. Os irmãos Cohen representam hoje o melhor do cinema americano. Seus filmes, desde o surpreendente “Gosto de Sangue”, revelam um cinema diferenciado, construído em cima de imagens e palavras bem elaboradas e que a cada filme, fortalecem cada vez mais o estilo de cinema dos Cohen. Os personagens de seus filmes, vivem suas odisséias cheias de curvas e imprevistos, levando-os a caminhos variados, com final feliz, ou não. Em “Onde os Fracos têm Vez”, um de seus melhores filmes, este estilo se consolidou numa obra que reflete bem os dias de espanto e falta de ética que vivemos hoje. Em “Um Homem Sério”, os Cohen criam um personagem que acredita na lógica, na matemática e que entende o universo como algo exato, e por isso, vive se perguntando porque certas coisas acontecem com ele, um homem sério e digno das tradições de sua familia.Mas sua mulher o abandona, os conceitos de sua religião acabam se tornando cada vez menos importantes, o acaso é cada vez mais freqüente e sua vida é cada vez menos previsível. Como ser sério e equilibrado com tudo isso? Os irmãos Cohen não têm essa resposta e muito menos pretendem que a religião ou o acaso apareçam e expliquem tudo. Ao contrário. Em “Um Homem Sério”, as perguntas mais uma vez ficam sem resposta, até porque, no universo dos Cohen, respostas exatas não existem. Existe sim o caos, que todos os personagens têm que saber lidar, mesmo que para isso tenham que derrubar seus dogmas, especialmente os religiosos. “Tudo é Matemática” diz o personagem principal. Ledo engano que ele vai percebendo aos poucos e refazendo os seus conceitos na “marra”, como todos nós. Só falta ao personagem principal do filme entender que a vida não é uma ciência exata. Como um furacão, um acidente de carro, uma morte, uma separação, nada é exato e em “Um Homem Sério”, nos surpreendemos com esta afirmação a cada cena “nonsense” que inevitavelmente nos remete a cenas de outros filmes dos Cohen. Fundamentais para o cinema moderno americano, os Cohen a cada filme realizam um cinema de autor, livres para discutir o que quiserem, o que sentem e o que é relevante. Os filmes dos Cohen nos falam da vida como ela é, como nós gostaríamos que fosse e fatalmente, nos revela que tudo é diferente do que imaginado mais que isso não deve ser razão para a infelicidade. Caos, ordem, desordem, falta de lógica, confusão. A vida é assim e ninguém tem mais propriedade para falar sobre isso no cinema de hoje que os irmãos Cohen.

D I C A S
TV POR ASSINATURA
: “O Segredo de Lorna” é um dos melhores trabalhos da dupla Jena-Pierre e Luc Dardenne (A Criança) e foi um dos melhores filmes que vi nos cinemas ano passado aqui em Belém. Aqui, Lorna é uma imigrante albanesa que vive na Bélgica. Ela sonha em ser dona de uma lanchonete com seu namorado Sokol. Para conseguir o dinheiro necessário, ela se envolve num perigoso esquema armado por um taxista. Simples e emotivo, é um flme ainda a ser descoberto pelo grande público.(Telecine Cult – Dia 08/06).
MEMÓRIA : O ator Dennis Hopper faleceu esta semana nos EUA e sem dúvida foi um dos grandes atores de sua geração. Sua carreira teve grandes momentos como em “Sem Destino”(1969) que dirigiu e interpretou. Mas depois de anos envolvido em problemas com drogas, ele reapareceu brilhante em “Apocalypse Now” (1979) de Francis Coppola e renasceu de vez num memorável papel em “Veludo Azul”(1986) de David Lynch. Recentemente, esteve em grande atuação em “Fatal”(2008), ao lado de Ben Kingsley. Com uma grande carreira iniciada nos anos 50 com destaque em “Juventude Transviada”(1955), Hooper marcou seu nome na história do cinema. Vale a pena (re)ver seus filmes como uma homenagem ao seu trabalho.
CURSOS: A Caiana Filmes lança a segunda turma do curso de QUADRINHOS E CINEMA, com o professor Arnaldo Prado Jr., a partir do dia 10 de junho, das 19 às 22 h. Inscrições abertas. A partir do dia 15/06, inicia o curso CINEMA PARA CRIANÇAS utilizando a linguagem cinematográfica, brinquedos óticos, roteiro, gravação e edição para novas mídias. Inscrições abertas. Maiores informações no fone 3343-4254.

AGENDA
- Cineclube Alexandrino Moreira: O Cineclube Alexandrino Moreira, do Instituto de Artes do Pará (IAP), exibe amanhã às 19 h , em parceria com a ACCPA, o filme “Era Uma Vez em Tóquio” de Yasujiro Ozu, produção de 1953 que conta a história de um casal de idosos que resolve deixar a sua província e ir a Tóquio onde mora e trabalha o primogênito com esposa e filho menor. Mas a visita logo se mostra um problema, a começar com as acomodações restritas, seguindo-se o pouco tempo que o filho e a nora possuem para dispensar-lhes atenção. É um dos grandes filmes da história do cinema. Não perca. Entrada Franca e logo e seguida ao filme, debate entre o público presente e críticos da ACCPA.
- Espaço Municipal Cine Olympia: Hoje é o último dia de exibição do filme francês “7 Anos” com entrada franca às 18:30 h. Na Sessão Aventura, mais uma iniciativa em parceria com a ACCPA, hoje às 16 h, será exibido “Corrida Silenciosa” de Douglas Trumbull com Bruce Dern no elenco.
- Cine Líbero Luxardo: Hoje é o último dia de exibição da produção espanhola “À Moda da Casa” de Nacho Vellila. Maxi é um chef de cozinha que precisa cuidar de um casal de filhos depois que sua ex-mulher morre. Enquanto tenta ganhar a confiança deles, acaba se envolvendo com seu vizinho, que tem medo de tornar pública sua sexualidade. O filme será exibido às 19:30 h
- Cineclube Oi Estação :Quarta, 9 de junho, será exibido o curta-metragem paraense "Matinta Perera" de Jorge Vidal e o longa-metragem nacional "Não Por Acaso" de Philippe Barcinski. Os filmes serão exibidos a partir das 19 h com entrada franca. O Cineclube Oi Estação parte do projeto CINEMA NA ORLA que tem o apoio da ACCPA(Associação dos Críticos de Cinema do Pará).

51º FESTIVAL DE BRASÍLIA DE CINEMA BRASILEIRO

Coletiva de imprensa com os realizadores dos filmes "Liberdade" de Pedro Nishimura e Vinícius Silva, "Sempre verei cores ...