CINE TROPPO - SEMANA DE 10 À 16/07/14

Cine Troppo
Marco Antonio Moreira Carvalho



*Pelo Malo" (foto), premiado longa da diretora venezuelana Mariana Rondón, estreou quarta (9 de julho) nas Sessões Regulares do Cine Líbero Luxardo, e durante esta semana fará dobradinha com "Oslo, 31 de Agosto", filme norueguês que segue em cartaz até o próximo domingo. “Pelo Malo” mostra a história de Júnior, um menino de nove anos, que tem cabelo encaracolado, e não pensa em outra coisa senão alisá-lo. Sua mãe, Marta, luta para sustentar a família após a morte do marido e, ao mesmo tempo, preocupa-se com a atenção de Junior com o visual, e tenta evitar o jeito “diferente” do filho. “Pelo malo” (uma coprodução entre Venezuela, Argentina, Peru e Alemanha) estreou no Festival Internacional de Cinema de Toronto (TIFF), onde teve sessões disputadas, seguiu pro Festival de San Sebastián – onde foi o primeiro longa-metragem venezuelano a ganhar a Concha de Oro, o maior prêmio do festival – e então pro Festival de Cinema Latino-Americano de Biarritz, na França, onde novamente foi bem recebido. O filme será exibido até o dia 19/07.
*Oliver Hirschbiegel, o diretor de “A Queda – As Últimas horas de Hitler”, aborda mais uma vez um tema relacionado ao ditador. “Georg Elser”, seu próximo filme, é sobre a história da vida do carpinteiro alemão que conduziu um plano secreto para assassinar Hitler, que acabou levando-o à prisão, tortura e execução por parte do regime nazista. As filmagens já começaram na Alemanha e a previsão de lançamento naquele país é 2 de abril de 2015, quase 70 anos após a morte de Elser.
*Sete anos após o sucesso de “Encantada”, a Disney decidiu dar vida a uma continuação do longa estrelado por Amy Adams e Patrick Dempsey. Para o novo projeto já foram contratados os roteiristas J. David Stem e David N. Weiss, que, juntos, escreveram “Shrek 2” e ”Os Smurfs”, além da diretora Anne Fletcher, de “A proposta”. Ainda não há nomes confirmados para o elenco desta sequência.
*A Escola de Cinema Darcy Ribeiro abriu inscrições para os cursos regulares do segundo semestre de 2014. A novidade é que, além das aulas de Direção, Roteiro, Montagem e Edição, a escola abriu o novo curso de Produção Audiovisual. O curso pretende inserir os alunos no cenário das inovações tecnológicas e promover a aproximação entre futuros profissionais da área. As inscrições vão até 31 de julho e outras informações podem ser acessadas no site da escola.
*O cineasta russo Fedor Bondarchuk será o diretor do novo filme da Warner, um épico baseado na “Odisseia”, o clássico texto de Homero. Bondarchuk já comandou alguns filmes de sucesso na Rússia: o último deles, “Stalingrado” (2013), teve a maior bilheteria da história do país. O roteiro ficará por conta de Jeremy Doner.
*Filmes em domínio público são filmes antigos que já não possuem mais direitos patrimoniais para os seus produtores e passam a pertencer a sociedade, sendo um direito de todos ter acesso livre a esses filmes. Um filme entra em domínio público através do tempo ou também se o detentor dos direitos falecer e não deixar nenhum herdeiro.Lucas Bombonatti criou, no site Cinema Libre, um projeto para facilitar o acesso a essas obras e, além de filmes em domínio público, também disponibiliza filmes que tiveram seus direito cedidos pelos seus autores. Muito filmes novos (principalmente documentários) são feitos sem interesse comercial e são disponibilizados gratuitamente no portal.Conheça em detalhes o projeto, assista aos filmes e, se desejar, colabore com os autores, através do endereço http://www.catarse.me/pt/cinemalibre
*O ganhador do “Oscar”, Claude Lelouch (Retratos da Vida) vai abrir o Montreal World Film Festival no dia 21 de agosto, com seu mais recente trabalho, “Bastard, We Love You” (Salaud, on taime). O novo filme do diretor, que estreou na França este ano, conta a história de Jacques Kaminsky, interpretado por Johnny Halliday (Detetive), um fotógrafo de guerra e pai ausente que passa mais tempo com sua câmera do que perto de suas quatro filhas, interpretadas por Irène Jacob (A Dupla Vida de Veronique), Sarah Kazemy (Circumstance), Pauline Lefèvre e Jenna Thiam.


*O Festival de Veneza deste ano vai homenagear “Os Incompreendidos” de François Truffaut, com seu cartaz da 71ª edição do evento. O cartaz (foto) para o festival é muito aguardado todos os anos. A versão deste ano, feito pelo terceiro ano consecutivo por Simone Massi, é inspirado no final do clássico de 1959 dirigido por Truffaut. O menino no cartaz foi interpretado por Jean-Pierre Léaud que tinha apenas 14 anos de idade na época em que o filme foi rodado. Massi também é o criador do “30 seconds”, sequência de abertura mostrada antes de cada triagem na seleção oficial de Veneza desde 2012. A sequência utiliza 300 ilustrações desenhadas à mão inspirados por diretores de cinema icônicos que vão de Federico Fellini a Wim Wenders.Massi ganhou mais de 200 prêmios por seu trabalho, incluindo um David di Donatello Award de Melhor Curta-Metragem, há dois anos.A abertura do Festival de Veneza deste ano será no dia 27 de agosto e terá encerramento no dia 6 de setembro.

INDICAÇÕES 

ESTREIA 

“Pelo Malo” 
Cine Líbero Luxardo

VEM AÍ 


“Revelando Sebastião Salgado” 
Cine Olympia – Dia 01/08


“Camile Claudel 1915” 
Cine Estação – Em Julho


LIVRO 


“A História da Filosofia em 40 Filmes” 
Análise crítica e didática sobre o que é a filosofia através de filmes como “Rashomon”, “Persona”, “Taxi Driver” entre outros grandes títulos.


PARA OUVIR 

“Corpos Ardentes (1982) 
Trilha sonora do filme composta por John Barry
https://www.youtube.com/watch?v=niCyYWcjFSE


AGENDA 


*Cine Olympia:
 De 05 à 17/07 – “Barbara” de Christian Petzold. Sessão às 18:30 h. Entrada Franca. Apoio: Instituto Goethe.
Dia 18/07 – “"Sobre Sete Ondas Verdes Espumantes". Documentário poético construído através da obra de Caio Fernando de Abreu.

Dia 29/07 – Projeto Cinema e Música :“A Caixa de Pandora”(1929).Acompanhamento musical ao vivo. Sessão às 18:30h. Entrada Franca.
*Cine Líbero Luxardo: De 02 à 19/07 – “Pelo Malo” e “Oslo, 31 de Agosto” de Joachim Trier.
*Cine Estação: Em Julho – “Camille Claudel 1915” com Juliete Binoche e “Killer Joe: Matador de Aluguel” de William Friedkin.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

E O FINAL DE "ONDE OS FRACOS NÃO TEM VEZ"

Cine Troppo - De 21 a 27/12/17

Cine Troppo - De 25 a 31/01/18