CINE TROPPO - SEMANA DE 21 À 27/12/12

CINE TROPPO 
Marco Antonio Moreira Carvalho

INDICAÇÕES/DVD 
“REDESCOBRIR” – MARIA RITA 
Qualquer cantora que queira revisitar as canções interpretadas pela grande Elis Regina tem que ter muita coragem e audácia. Afinal, Elis é a maior cantora deste país e sua morte em 1982 não mudou em nada esta posição. Imagine então a responsabilidade de sua filha, Maria Rita, em fazer uma homenagem que incluiu a (re) interpretação de grandes clássicos de Elis, uma turnê nacional e por fim, o registo disso tudo em cd e dvd. Confesso que num primeiro momento, como fã absoluto de Elis, não sabia o que esperar desse projeto mais depois que vi o show “Redescobrir” aqui em Belém, dentro da turnê nacional, fiquei impressionado com o talento já conhecido da Maria Rita. Cantando melhor do que nunca, afinada, com um domínio de palco perfeito e uma excelente banda (com destaque para o pianista Thiago Costa), Maria Rita procurou fazer a melhor homenagem possível selecionando grandes canções que marcaram várias etapas da carreira de Elis Regina. E mesmo em músicas difíceis de interpretar no mesmo nível de Elis como “Bolero de Satã”, “Águas de Março”, “Se Eu Quiser Falar com Deus” e “Morro Velho”(um dos momentos mais emocionantes do show), Maria Rita conseguiu deixar sua marca de grande cantora que já tem carisma próprio e uma voz de altíssima qualidade. Felizmente, esta turnê teve seu registro em dvd lançado recentemente (junto com o cd) para mostrar à todos os públicos este belo momento da música brasileira. Mãe e filha, juntas através da música, do talento, da sensibilidade. O dvd tem a direção de Hugo Prata que procurou direcionar as imagens principais somente na cantora e banda, variando enquadramentos e mostrando muito pouco da reação da plateia que cantou várias vezes cantou com Maria Rita. No show, a cantora eventualmente fazia comentários sobre Elis, canções, parceiros de Elis e a razão da homenagem mais tudo isso foi cortado da montagem. É uma pena pois alguns desses momentos poderiam ter ficado na montagem final ao mesmo tempo que se evitaria os cortes “apressados” na passagem de uma música para outra, sem pausa às vezes para se ouvir até mesmo os aplausos do público. De qualquer forma, este dvd confirma o talento de Maria Rita como uma das grandes cantoras do momento e nos faz relembrar com muita emoção a trajetória fantástica de Elis Regina, a maior cantora deste país.
"NA CARREIRA” – CHICO BUARQUE 
Chico Buarque é um dos maiores compositores brasileiros e sua obra é merecidamente reconhecida pela crítica e pelo público. Pena que Chico não faça mais shows que possam chegar em outras cidades brasileiras (como Belém). Mas felizmente, apesar dos poucos shows, ele vem registrando seu trabalho ao vivo e lançando em dvd. “Na Carreira” tem como ponto de partida o belo cd que Chico lançou em 2011 com músicas de altíssimo nível como “Querido Diário”, “Essa Pequena” e “Sinhá”. Com um excelente acompanhamento de músicos como Luiz Claúdio Ramos e Jorge Helder, Chico interpreta músicas de várias fases da sua carreira como “Choro Bandido”, “Anos Dourados”, “O Meu Amor”, “Bastidores”, “Valsa Brasileira”, “Desalento” e “Ana de Amsterdam”. Dirigido por Dora Jobim e Gabriela Gastal, o dvd não traz nenhum exagero de produção com várias camêras e montagens ao estilo dos vídeo da MTV onde às vezes a pressa atrapalha o equilibro da imagem com a canção. O que interessa aqui é Chico e sua música e felizmente a direção priorizou isso fazendo um belo registro de um artista que felizmente ainda tem muito que oferecer para o crescimento da música popular brasileira.

SUPERNOVAS 
*No próximo dia 27, os críticos da ACCPA (Associação dos Críticos de Cinema do Pará) estarão reunidos para a escolha dos melhores do cinema de 2012, a partir dos filmes que foram exibidos em nosso circuito local. Domingo que vem, estarei publicando minha relação individual e no domingo seguinte, a relação geral da ACCPA. Logo no início do ano, a ACCPA estará fazendo uma mostra dos melhores de 2012 no Cine Olympia com debate após a exibição e com a participação de críticos da associação.
*”The Grandmaster” do diretor chinês Wong Kar Wai (Cinzas do Passado) será o filme de abertura da próxima edição do Festival de Berlim, que começa dia 9 de fevereiro. O longa, que será exibido fora de competição, é um épico de artes marciais centrado na vida do lendário IP Man, mentor de Bruce Lee. 
*”Amor”(foto) de Michael Haneke, premiado no Festival de Cannes deste ano, será lançado no Brasil dia 18 de janeiro. Espero que não demore à chegar em nosso circuito local.
* Dos filmes mais recomentados da temporada pelos críticos do sul do país, nenhum ainda foi exibido por aqui:” Infância Clandestina”, “Era uma vez eu, Verônica”, "Um Alguém Apaixonado" e "Holy Motors". Que venha 2013 com estes e outros filmes mais interessantes.

AGENDA 
*Cine Olympia: Dentro da mostra de filme de ficção científica que começou ia 18 e vai até o dia 30/12, hoje será exibido o clássico “A Máquina do Tempo”(1962) com Rod Taylor às 18:30 h com entrada franca. Na sessão Cinemateca, parceria com a ACCPA, hoje será exibido o clássico “A Felicidade não se Compra” de Frank Capra com James Stewart e Donna Reed às 16h com entrada franca.. Na última sessão Cinemateca do ano (dia 30), será exibido o belo “Cinema Paradiso” de Giuseppe Tornatore, sempre com entrada franca.
*Cine Estação: Hoje é o último dia de3 exibição de “Cosmopólis” de David Cronenberg com sessões às 10h, 18h e 20h30. Não perca! É um dos melhores filmes exibidos este ano no circuito local. No início de Janeiro, já está programada a exibição do documentário “Tropicália” com Caetano Veloso, Gilberto Gil e outros nomes importantes do cenário musical.
* Feliz Natal !!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

E O FINAL DE "ONDE OS FRACOS NÃO TEM VEZ"

Cine Troppo - De 02 a 08/03/17

Cine Troppo - De 21 a 27/12/17