CINE TROPPO - SEMANA DE 04 À 10/03/11

CINE TROPPO
Marco Antonio Moreira Carvalho


Lançamentos da Semana
Caso não haja alterações de última hora, a estréia da semana é “”Esposa de Mentirinha”, “Gnomeu e Julieta” e “Vovó...Zona 3”.
Em “Esposa de Mentirinha”, um cirurgião plástico de caso com uma professora bem mais jovem pede à sua leal assistente que finja ser a esposa de quem ele está se divorciando para encobrir uma mentirinha casual. Após mais mentiras que saem pela culatra, os filhos da sua assistente também acabam envolvidos, e todo o grupo parte para um fim de semana no Havaí que mudará as vidas de todos eles. No elenco, Jennifer Aniston, Adam Sandler, Nicole Kidman e Heidi Montag.
“Gnomeu e Julieta” são anões de jardim que vão enfrentar muitos obstáculos para viver um amor proibido nesta animação realizada pelo mesmo diretor de “Shrek”. O Sr. Capuleto e A Sra. Montéquio tem uma rixa há anos e ninguém na verdade lembra por que tudo começou. Mas a regra é clara, um gnomo vermelho do jardim do Sr. Capuleto nunca poderá se misturar com os gnomos azuis do jardim da Sra. Montéquio. Quando os humanos saem de casa é que a aventura realmente começa com os gnomos tramando um final bem diferente para essa historia. O filme será exibido em 3D e na versão dublada, vozes de Daniel Oliveira, Vanessa Giácomo e Ingrid Guimarães. O filme apresenta canções de Elton John. Na cópia original, vozes de Julie Walters, James McAvoy, Michael Caine, Patrick Stewart, Jim Cummings e Dolly Parton.
Em “Vovó... Zona 3”, o agente Malcolm Turner e seu enteado Trent precisam se disfarçar de vovozonas com a finalidade de ajudar estudantes de uma escola, testemunhas de um assassinato. Martin Lawrence volta a ser o protagonista desta segunda sequência do personagem.

QUADRO DE COTAÇÕES / ACCPA
MARCO MOREIRA/PEDRO VERIANO/LUZIA ÁLVARES
“Cisne
Negro” Excelente/Bom/Muito Bom
---------------------------------------------------------------
“Desconhecido” Razoável/Razoável/Razoável
---------------------------------------------------------------
“Bravura
Indomita” Excelente/Muito Bom/Muito Bom
---------------------------------------------------------------
“Um Amor
tão
Frágil”(DVD) Excelente/Excelente/Excelente
---------------------------------------------------------------
“A Fita
Branca”
(DVD) Excelente/Excelente/Excelente
---------------------------------------------------------------
“5 X Favela -
Agora Por
Nós Mesmos”
(DVD) Muito Bom/Muito Bom/Excelente
---------------------------------------------------------------

SUPERNOVAS
* “É Tudo Verdade” – Festival Internacional de Documentários anunciou a primeira relação de selecionados para sua 16ª edição, que ocorre entre 31 de março e 10 de abril, simultaneamente no Rio e em São Paulo. Sete filmes inéditos participarão da competição de longas e médias-metragens, entre eles “Tancredo, A Travessia”, de Silvio Tendler(foto), e “Dois tempos”, de Dorrit Harazim e Arthur Fontes, filme que reencontra personagens focalizados no documentário A família Braz, realizado há uma década. Dentre os curtas, figuram São Silvestre, de Lina Chamie, uma visão poética da edição de 2010 da corrida paulista. Em breve serão anunciados mais filmes nacionais inéditos e a seleção internacional do festival. Mais informações em www.etudoverdade.com.br.
*Em virtude da entrada de novos parceiros na realização da 10ª edição do Grande Prêmio, o evento foi adiado de abril para o fim de maio de 2011, em data ainda a ser definida ainda pela organização. Enquanto isso, o processo de votação e apuração dos votos continua normalmente.
*Chegaram ao fim as filmagens de Tríade (Galeria de espelhos), primeiro longa-metragem do diretor Amílcar Claro, que foi assistente de Roberto Santos e participou da produção de, entre outros filmes, O beijo da mulher-aranha. O longa conta a história do relacionamento entre um físico preso durante o regime militar e uma estudante, filha de sua ex-namorada dos tempos de faculdade. No elenco estão Flavio Rocha, Mayara Luni e Nara Sakarê.
*A distribuidora Art Films/Serendip adquiriu os direitos de distribuição de quatro filmes durante o mercado do Festival de Berlim. São eles Under the Hawthorn Tree, novo filme de Zang Yhimou – exibido na mostra GenerationPlus; The Day I Was Not Born, longa de estreia do alemão Florian Cossen; Late Bloomers, segundo filme da diretora Julie Gavras, com Isabella Rossellini e William Hurt, e também Kon Tiki, filme inspirado na expedição do explorador norueguês Thor Heyerdahl pelo Oceano Pacífico nos anos 40. Ainda não há previsão de estreia desses títulos no Brasil.
*A MGM está negociando com o diretor brasileiro José Padilha para a direção de 'Robocop', remake do filme futurista de 1987 dirigido por Paul Verhoeven. A MGM pretende reiniciar a franquia 'Robocop', e acreditam que Padilha seja a escolha certa por ser um cineasta global. A empresa ficou impressionada com o trabalho do diretor no filme do Capitão Nascimento.A ideia é refilmar o longa original, recomeçando a franquia no século 21.
*A ACCPA (Associação dos Críticos de Cinema do Pará) agora tem um site à disposição do internauta: www.accpara.com.br .No site da ACCPA, tem a programação dos cinemas comerciais e alternativos, críticas, calendários de estreias, enquete, etc..Confira!
*Acesse “Odisséia”, meu blog sobre cinema e outros assuntos no endereço http://www.marcoantoniomoreira.blogspot.com/.
* Meu Twitter: www.twitter.com/marcomoreira_

“OSCAR” 2011
A cerimônia de entrega do “Oscar” de 2011 foi uma das melhores dos últimos anos. Não foi longa, os apresentadores James Franco e Ann Hathaway não exageraram nos textos e na encenação, os números musicais foram discretos, os discursos dos ganhadores foram geralmente curtos e claro,houve alguma previsibilidade com “O Discurso do Rei” sendo o vencedor do “Oscar” de melhor filme. Talvez a academia de Hollywood tenha achado “A Rede Social” de David Fincher um filme moderno demais mais isso não tira o brilho do filme vencedor que também tem seus méritos. Aliás, este ano, todos os filmes indicados são de excelente qualidade, como há muito tempo não se via no “Oscar”. Por isso, em várias categorias, todos os candidatos poderiam ganhar sem aquela sensação de injustiça. Natalie Portman realmente mereceu o “Oscar” pela sua atuação histórica de “Cisne Negro” mais caso Annete Bening (Minhas Mães e meu Pai) ou Nicole Kidman (Reencontrando a Felicidade) fossem as escolhidas, o prêmio também estaria em boas mãos. O mesmo caso para a categoria de melhor ator que premiou Collin Firth, que está excelente em “O Discurso do Rei” mais que teve concorrentes à sua altura como Jeff Bridges em “Bravura Indomita” ou James Franco por “127 Horas”. Já na categoria de melhor direção, a injustiça do ano: Christopher Nolan não foi indicado pelo seu fantástico trabalho em “A Origem”. Coisas de Hollywood. Nas demais categorias, nenhuma grande surpresa. Para lamentar, uma pena que “Lixo Extraordinário” não ganhou o “Oscar” de melhor documentário e que “Bravura Indomita”, o já clássico dos irmãos Cohen não tenha levado nenhuma prêmio. Já a homenagem ao grande mestre Jean-Luc Godard foi o grande momento da noite, especialmente pela sua ausência. Godard não faz parte deste mundo Hollywood e não precisava realmente estar lá. Fechando o comentário sobre a festa, vou ótimo ver o grande ator Kirk Douglas, ainda ativo e com energia suficiente para falar que nunca ganhou um “Oscar”, o que é mais uma das injustiças deste polêmico prêmio.De qualquer forma, o “Oscar” 2011 revelou que o cinema americano está muito bem, com novos diretores realizando filmes interessantes e principalmente com o fortalecimento do chamado cinema independente que consegue produzir filmes de boa qualidade que no mínimo, provocam interesse de uma platéia que está cansada de ver os mesmos filmes feitos dentro da velha fórmula de produção americana. Que venha o “Oscar” 2012 e que emMaio, tenhamos mais e melhores surpresas no Festival de Cannes.

DICAS
*Inscrições : a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) abriu inscrições no dia 1º de março, para o Edital de Chamada Pública para Cadastramento, Seleção e Licenciamento de Obras Audiovisuais – Longa-Metragem, na categoria documentário. Esta é a terceira chamada de contratação de direito de veiculação de filmes para exibição na TV Brasil. O valor base de cada trabalho selecionado será de R$ 10 mil, aos quais poderão ser acrescentados valores vinculados às características da obra tais como: utilização de técnica de animação, ineditismo, o resultado de público nas salas comerciais e participação ou premiação em festivais. As inscrições são para filmes produzidos em qualquer época, já licenciados ou não pela EBC, e estarão abertas por 45 dias. Mais informações podem ser encontradas em www.tvbrasil.org.br/isollo.
* Curso: Em março, estarei ministrando na Caiana Filmes, um curso sobre o Cinema Brasileiro que vai abranger desde os primeiros filmes realizados no Brasil, passando pelo período dos estúdios brasileiros, as chanchadas com Oscarito e Grande Othelo, Cinema Novo, até o a retomada de público e o novo cinema nacional. Maiores informações no site www.caianafilmes.com.br
*DVDs + Locados: 1) A Origem, 2) Gente Grande, 3)Juntos pelo Acaso, 4)Meu Malvado Favorito, 5)Aprendiz de Feiticeiro, 6)O Último Mestre do Ar, 7)Salt, 8)Coincidências do Amor, 9) Nosso Lar e 10)Comer, Beber, Amar. Fonte : 100% Vídeo

AGENDA
*Cine Líbero Luxardo: Hoje é o último dia de exibição da Mostra de Melhores Filmes da Década da ACCPA (Associação dos Crítcos de Cinema do Pará). O filme que encerra a mostra é “Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças” de Michel Gondry com Jim Carrey e Kate Winslet. É um belo trabalho que tem um dos roteiros mais originais dos últimos tempos e que impressionou a crítica e o público. O filme será exibido às 19h com entrada franca. Na Sessão Cult, promovida pela ACCPA, será exibido no sábado, dia 12/03 às 16h, com entrada franca e debate, o excelente “O Segundo Rosto” de John Frankenheimer. Produzido em 1966, o filme conta de Arthur Hamilton, um homem de meia idade, vice-presidente de um banco, que vive com a esposa numa confortável casa de subúrbio. Insatisfeito com sua vida, contrata uma empresa especializada em "renascimentos". A organização forja sua morte e, após determinados procedimentos cirúrgicos, faz com que ele renasça na figura de Anthiocus Wilson, um pintor de sucesso. Renovado por fora, ele enfrentará o desafio da segunda chance. No elenco, Rock Hudson em seu melhor papel no cinema.
* Cine Sesc Boulevard : Iniciando a parceria com a ACCPA, dia 10/03 às 19 h, será exibido com entrada franca o filme italiano “Um Dia Muito Especial” de Ettore Scola com Marcelo Matroianni e Sophia Loren no elenco. Antonietta (Sophia Loren), uma dona de casa negligenciada pelo marido fascista, e o radialista Gabrielle (Marcello Mastroianni), um homossexual depressivo, conhecem-se na primavera de 1938 exatamente no dia em que Roma celebra a visita de Adolf Hitler a Benito Mussolini. O casal vive uma intensa relação humana que, apesar dos dramas e esperanças compartilhados, não altera o rumo de suas vidas. O filme recebeu os prêmios César e Globo de Ouro como Melhor Filme Estrangeiro e foi indicado na mesma categoria para o “Oscar” rendendo também a Marcello Mastroianni sua segunda indicação da Academia. Após a exibição do filme, debate com críticos da ACCPA.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

E O FINAL DE "ONDE OS FRACOS NÃO TEM VEZ"

Cine Troppo - De 21 a 27/12/17

Cine Troppo - De 25 a 31/01/18