CINE TROPPO DOMINGO DIA 24/01/10


CINE-TROPPO
Marco Antonio Moreira Carvalho
CINEMA/Lançamentos da Semana
Caso não haja nenhuma modificação de última hora, as estréias da semana são “Amor sem Escalas” e “O Fada do Dente”.
“Amor sem Escalas” é o novo filme do diretor Jason Reitman (Juno).Pago para viajar pelos Estados Unidos despedindo funcionários de empresas em crise, Ryan Bingham sempre se contentou com um estilo de vida desapegado, passado em meio a aeroportos, hotéis e carros alugados. Ele consegue carregar tudo o que precisa em uma mala de mão.Mas quando o chefe de Ryan, inspirado por uma eficiente e novata funcionária, ameaça mantê-lo permanentemente na sede da empresa, ele se vê entre a perspectiva de ficar em terra firme, contemplando o que realmente pode significar ter um lar. No elenco, George Clooney e Vera Farmiga.
Em “O Fada do Dente”, Derek Thompson é um jogador de segunda divisão de hockey que tem a tendência de arrancar os dentes de seus adversários, daí o apelido. Sua crueldade inata faz com que ele destrua os sonhos de uma criança de 6 anos na Fada do Dente. Ele então é sentenciado a uma semana de trabalho forçado como uma verdadeira fada do dente, para redescobrir seus próprios sonhos e esperanças. No elenco, Dwayne Johnson, Ashley Judd, Julie Andrews, Stephen Merchant, Ryan Sheckler, Chase Ellison, Billy Crystal.

BILHETERIA DA SEMANA / BRASIL
1. Avatar 2. Alvin e os Esquilos 2 3. Sherlock Holmes 4. Lula, o Filho do Brasil 5. Xuxa em o Mistério de Feiurinha6. Vício Frenético 7. Encontro de Casais 8. Sempre ao Seu Lado 9. Onde Vivem os Monstros 10. A Princesa e o Sapo

BILHETERIA DA SEMANA / EUA
1). Avatar 2. O Livro de Eli 3. Um Olhar do Paraíso 4. Alvin e os Esquilos 2 5. Sherlock Holmes 6. Missão Quase Impossível 7. Simplesmente Complicado 8. Leap Year 9. O Lado Cego 10. Amor Sem Escalas

SUPERNOVAS
*A Sony Picutres confirmou esta semana que dispensou o diretor Sam Raimi da franquia “Homem Aranha”. Em seu lugar foi contrado o cineasta Marc Webb, diretor do sucesso “500 Dias com Ela'. Raimi agora está envolvido totalmente com a adaptação cinematográfica do vídeo-game “World of Warcraft” para os cinemas.
*Com o sucesso absoluto de “Atividade Paranormal” nas bilheterias norte-americanas, a Paramount confirmou a produção da sequência do filme que será dirigido por Kevin Greutert (Jogos Mortais 6). Michael R. Perry, que escreveu alguns episódios para a série “House”, é o roteirista.
*O diretor brasileiro Fernando Meirelles (Cidade de Deus) confirmou que foi convidado a comandar a cinebiografia da cantora americana Janis Joplin.Com o título “Gospel According to Janis”, o filme está sendo produzido desde 2006. Zooey Deschanel (500 Dias Com Ela') é a preferida para interpretar Janis, morta em 1970.
*Mel Gibson voltará a dirigir um filme após os sucessos de “Apocalypto” e “A Paixão de Cristo”. Gibson está em negociações para comandar “Vikings”. Leonardo DiCaprio deverá ser o protagonista.
* Com o auditório do IAP lotado na última segunda-feira para a exibição do filme “Eraserhead” de David Lynch, o Cineclube Alexandrino Moreira tem se confirmado como um espaço muito interessante para a exibição de filmes polêmicos. Os debates após as exibições tem sido cada vez mais ricos, o que acaba incentivando a ACCPA (Associação dos Críticos de Cinema do Pará) em parceria com o IAP (Instituto de Artes do Pará) a programar cada vez mais filmes selecionados e especiais aos olhos da crítica e do público. O próximo programa do CC Alexandrino Moreira será o documentário “Corações e Mentes” de Peter Davis, dia 01/02.
* Depois da nova versão de “Alice no País das Maravilhas”', o diretor Tim Burton poderá voltar a uma nova adaptação..A Disney está preparando uma refilmagem mais adulta para “A Bela Adormecida” e quer o diretor no comando da adaptação. Com o título “Maleficent”, o longa daria um tom mais obscuro para a clássica história dos contos de fadas. Desta vez, a história focaria na versão da vilã Malévola sobre a história. O filme será filmado em live-action (com atores reais).
* O filme brasileiro “Salve Geral” está fora das indicações ao “Oscar” deste ano. O filme peruano de Claudia Llora e o argentino de Juan José Campanella foram os únicos latino-americanos que estão entre os finalistas. Além deles ainda integram a lista o alemão "The White Ribbon", o francês "Un Prophete", o australiano "Samson & Delilah", o búlgaro "The World Is Big and Salvation Lurks around the Corner", o israelita "Ajami", o cazaqui "Kelin", e o holandês "Winter in Wartime
*A Associação de Críticos de Cinema do Pará (ACCPA) tem na internet um blog de cinema: http://www.accpara.blogspot.com/ .Acesse também “Odisséia”, meu blog sobre cinema e outros assuntos no endereço http://www.marcoantoniomoreira.blogspot.com/.
* Confira nas sextas e sábados pela manhã, meus comentários sobre cinema na rádio O Liberal/CBN.

Critíca/Cinema
“Sherlock Holmes” de Guy Ritchie. Com Robert Downey Jr. O personagem criado pelo escritor Sir Arthur Conan Doyle é extremamente rico e muito interessante. Seu lado cerebral ao analisar e dissecar os casos que investigava é sempre provocador e brilhante. Mas é claro que nem sempre este personagem foi bem retratado no cinema. Alguns poucos bons filmes foram feitos, especialmente nos anos 60. Agora, procurando modernizar Sherlock Holmes, o cineasta Guy Ritchie conseguiu fazer um filme onde se respeitou as características do personagem ao mesmo tempo que acrescentou uma dose de aventura ao seu perfil que aparentemente podia não dar certo mas que funcionou, parte pelo bom roteiro e parte pela boa atuação de Robert Downey Jr. que finalmente parece ter chegado ao seu equilíbrio profissional. Esta nova versão, tinha tudo para ser uma grande aberração contra a obra de Conan Doyle, mas com a inteligência de Guy Ritchie, o filme funcionou.. Ritchie começou bem sua carreira no cinema mais depois de alguns fracassos, correu o risco de ser mais um, entre tantos nomes que aparecem, surpreendem a crítica e o público, e depois saem de cena. Com “Rock and Rolla”, já deu para perceber que ele estava de volta, mas agora com “Sherlock Holmes”, definitivamente encontramos seu estilo de volta, com ritmo, inteligência e principalmente ironia. “Sherlock Holmes” não é seu melhor filme, mas indica que o melhor cinema de Guy Richie está de volta.
“Vício Frenético” de Werner Herzog. Com Nicolas Cage e Eva Mendes. Refilmagem do filme dirigido por Abel Ferrara em 1992, “Vício Frenético” é o primeiro grande filme a ser exibido em 2010. Provocador, pertubador, irônico e com toda a marca do estilo do grande diretor alemão Werner Herzog, o filme mostra a transformação de um policial dentro do mundo do crime de forma atrevida, alucinada e arriscada, principalmente quando provoca o espectador com cenas aparentemente ridículas mais que se encaixam totalmente no perfil do seu personagem principal que luta entre os seus vários lados pela sua sobrevivência. “Vício Frenético” é abusado e deve ter uma carreira comercial muito pouco lucrativa por não ser um filme padrão do gênero. Herzog não é um diretor comum, logo, “Vício Frenético” não é um filme comum. Com um final que foge totalmente do clímax que se espera de um filme deste gênero, “Vício Frenético” acaba surpreendendo, em parte pela coragem do ator Nicolas Cage (em ótima atuação) ao fazer um papel que se equilibra o tempo todo entre o louco, o alucinado, o ridículo, sendo um anti-herói o tempo todo. Repito : “Vício Frenético” é um filme abusado. Veja e não se deixe levar pelos comentários ruins que você ouvir de quem não gostou ou não entendeu. Afinal, é o primeiro grande filme do ano e é claro, tinha que ser polêmico.

+ LOCADOS
1º - G.I. Joe: A Origem de Cobra
2º - Se Beber, Não Case
3º - O Sequestro do Mêtro 1 2 3
4º - Up
5º - Gamer
6º - A Verdade Nua e Crua
7º - A Proposta
8º - O Exterminador do Futuro 4
9º - Gorça G
10º - Inimigos Públicos

Fonte : 100 % Vídeo

+ VENDIDOS
1)Yentl
2)Rede de Intrigas
3)Freud, Além da Alma
4)Vagas Estrelas da Ursa
5)O Vigilante Rdoviário
6)Os Amantes de Ponte Neuf
7)Decálogo – Edição Oficial
8)Som e Fúria (mini-série)
9)Retrato do Artista quando Jovem
10)A Alucinação de Ulisses
Fonte : 2001 Vídeo

AGENDA DA SEMANA
- Cineclube Alexandrino Moreira: O Cineclube Alexandrino Moreira, do Instituto de Artes do Pará (IAP), exibe dia 01/02 em parceria com a ACCPA, o documentário “Corações e Mentes” de Peter Davis, filme sobre a guerra do Vietnã considerado um dos melhores filmes do cinema.. A sessão acontecerá no auditório do IAP às 19 h com entrada franca. Após o filme, o tradicional debate entre o público e os críticos da ACCPA.
- Cineclube Pedro Veriano: No dia 26/01/10, terça-feira, será exibido o clássico “Cantando na Chuva”. O filme será exibido às 18:30 h com entrada franca. O CC Pedro Veriano fica na Casa da Linguagem (Assis de Vasconcelos com Nazaré).
- Espaço Municipal Cine Olympia: Continua em exibição o clássico “Fogo de Outono” de William Wyler. A entrada é franca com sessão às 18:30 h. Na Sessão Cinemateca, promovida pela ACCPA (Associação dos Críticos de Cinema do Pará) será exibido hoje às 16h, o filme “A Marca da Maldade” de Orson Welles. A entrada é franca.
- Cine Líbero Luxardo: Hoje é o último dia de exibição do filme “Paris”, dirigido por Cédric Klapish com Juliete Binoche no elenco. O filme será exibido hoje às 19:30 h. Na Sessão Cult, promovida pela ACCPA, será exibido no dia 30/01, sábado, o musical “Cabaret” de Bob Fosse com Liza Minellli. Após o filme, haverá um debate entre o público e os críticos da ACCPA. Entrada franca

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

E O FINAL DE "ONDE OS FRACOS NÃO TEM VEZ"

Cine Troppo - De 02 a 08/03/17

Cine Troppo - De 21 a 27/12/17